Postado em 07/11/2018

A coluna é o principal eixo de sustentação do corpo humano e as vértebras e músculos que a compõem são utilizados na maior parte dos movimentos. Assim, quando executamos movimentos incorretos, prejudicamos o nosso organismo e podemos acabar nos acostumando com práticas que podem causar dores e outros problemas mais sérios no longo prazo. 
Uma coluna vertrebal normal possui trinta e três vértebras e quatro curvaturas, sendo duas com convexidade anterior (cervical e lombar) e duas com convexidade posterior (torácica e sacral). Essas curvaturas absorvem os impactos quando caminhamos, corremos, sentamos, levantamos ou quando carregamos algum objeto pesado. 
Má postura, sedentarismo, excesso de peso, idade e a falta de consciência corporal são as principais causas de dores nas costas e contribuem para o aparecimento ou agravamento problemas estruturais no corpo humano. O Método Pilates, em  sua linha contemporânea, preocupa-se em restaurar as curvaturas naturais da coluna e reequilibrar os músculos em volta das articulações. 
O Método Pilates  trabalha com princípios que envolvem equilíbrio entre fortalecimento e flexibilidade, bem como mobilidade e estabilidade das articulações. Ao desenvolver seu método, Joseph Pilates adotou a ideia de  "Nem muito pouco e nem em excesso". 
Os alunos são ensinados a movimentar o corpo com consciência, controle e fluidez. A respiração é combinada com os movimentos, para ajudar a encorajar a ativação dos músculos profundos (assoalho pélvico e transverso do abdomen) para estabilização da região lombo-pélvica.
O professor ou instrutor de Pilates é chave importante nesse processo, pois é ele quem vai direcionar os movimentos de maneira detalhada e com o objetivo de assegurar a qualidade. Também é função do professor preparar o repertório de movimentos com as devidas adaptações e modificações particulares a cada aluno, de acordo com as estruturas posturais específicas, com o objetivo de tornar os exercícios seguros e efetivos. Dessa forma, é recomendável praticar Pilates com a instrução de um profissional qualificado.
Assim, a prática do Pilates, em grande parte das vezes, torna-se efetiva para a melhora dos problemas posturais e na diminuição das dores nas costas.
 
 

Contatos

Biblioteca Digital

Facebook