Confira: 4 coisas que você precisa fazer durante a sua corrida em meses de inverno!

Postado em 11/08/2017

O inverno é a época ideal para aqueles que desejam melhorar o seu rendimento no treino, diminuindo o desgaste físico. Contudo, é necessário se atentar a algumas dicas para que o treino seja bem sucedido.

Acompanhe

Aquecimento

O frio gera um estresse maior no corpo, aumentando o risco de contraturas musculares. Indivíduos com artrite e artrose devem ter atenção redobrada. Uma estratégia para evitar lesões é realizar um aquecimento antes e um depois do treino, estimulando aos poucos os músculos.

Banho quente após o treino

Depois de um treino intenso, a temperatura corporal se eleva, e não é nada recomendável permanecer muito tempo exposto a uma troca brusca de temperatura. Essa variação, aliada à alteração na janela de imunidade, faz com que cresçam as chances de sofrer com as consequências de uma gripe ou de problemas respiratórios. Não enrole, corra para a casa e entre no banho depois de correr no frio.

Hidratação

No frio sentimos menos sede devido às baixas temperaturas e, consequentemente bebemos menos água quando se compara ao verão. A diminuição da sensação de sede faz com que, no inverno, as pessoas bebam, em média, 1 litro a menos de água por dia. Recomenda-se o consumo de 2 a 3 litros de água por dia.

Corra ao ar livre

A falta de exposição ao sol diminui a produção de vitamina D, que ajuda a manter a imunidade em dia. Ficar muito tempo em lugares fechados, assim como treinar apenas na esteira, representa um atalho para a propagação de vírus. Sendo assim, aproveite o período da manhã, em que as temperaturas estão mais altas. Dê às boas-vindas ao sol e caminhe ao ar livre! 

Contatos

Biblioteca Digital

Facebook